traição

Traição e outras palavras que os cristãos não esperam enfrentar na igreja.

Eu sei que o meu título é um golpe e um perigo de asfixia se formos honestos. Recentemente nossa família vivenciou uma traição bastante profunda que ainda é uma ferroada significante. Isso nos levou a fazer a seguinte pergunta ‘Por que? E como pode um colega cristão fazer algo como isso?’ Eu sou bastante consciente do que uma pessoa é capaz de fazer, mas isso me deixou estarrecida e em choque.

Eu tenho sido confortada pela realidade de que Jesus experimentou situações de traição, roubo, mentira, perseguição e então há o fato de que Ele foi assassinado.

Jesus é realmente o grande sacerdote que se simpatiza conosco, porque Ele sofreu tudo o que sofremos e mais. No entanto, Ele é Deus e foi maltratado por muitos que Ele criou. É uma extrema injustiça.

Eu aceito o conforto de Jesus sabendo que ele sofreu também. Eu não estou tentando minimizar a minha injustiça, mas eu me sinto menos sozinha nisso sabendo que Jesus me entende.

Eu não posso imaginar como foi para Jesus ser traído por Judas com um beijo. Ser traído é uma coisa, mas ter o seu amigo íntimo no seu espaço mostrando falsa afeição como um sinal para que os soldados o levassem, isso é intenso e doloroso.

Quando eu estou lutando com perdão ou raiva, ou o que for, eu me lembro de Hebreus 12:3

“Pensem bem naquele que suportou tal oposição dos pecadores contra si mesmo, para que vocês não se cansem nem se desanimem.”

Considerando Jesus como a chave para superar a minha atual luta, eu não sou deixada sozinha em minha batalha. O Espírito Santo está em mim e se tornou a minha fonte de força. Eu posso enfrentar dificuldade em várias áreas da minha vida por causa da vida que Jesus viveu na terra. Eu tenho esperança diante da traição.