beleza

Pensamentos aleatórios sobre beleza

Essa não vai ser a maior contribuição para a sociedade o assunto sobre beleza, mas mais vai ser um lugar para eu compartilhar o que me incomoda.

Recentemente eu li um artigo em um site de notícias na internet, que elogiava Cindy Crawford por mostrar fotos inéditas dela de lingerie. O artigo estava a chamando de corajosa por mostrar a verdade intocável sobre si mesma.

Primeiro de tudo, ela é uma modelo e todas as fotos profissionais de modelos são produzidas. Eu sei que isso não é novidade para você e se é, faça uma pequena pesquisa e se sinta livre dos padrões inatingíveis que têm sido definidos por uma forte edição, etc.!

Segundo, Cindy (sim, nos chamamos pelo primeiro nome porque nós crescemos juntas – viva os anos 80!) não deu permissão para que as fotos fossem lançadas, elas vazaram. Na minha opinião, por uma pessoa corajosa que quis reduzí-la ao nosso padrão normal. Eu vi as fotos e eu não vou mentir, ela continua parecendo melhor que a maioria.

Se ela tivesse lançado as fotos por sua própria vontade, aí sim eu concordaria que ela estava sendo corajosa. Mas ela não estava. O que aconteceu com ela é claro e simples. Há muitas modelos que revelaram suas fotos inéditas para mostrar ao mundo como elas realmente são e eu amo isso. Mas eu sou contra o ser cruel com alguém ainda que isso exponha quão produzidas as fotos se tornaram.

Vamos encarar isso, de que às vezes as mulheres estão com inveja. Eu sei, é uma fala cruel, certo? Eu moro no Brasil e há um padrão bastante intenso de beleza aqui. É muito intimidador alguns dias. Uma das coisas que eu amo sobre viver no Brasil, é que não há limites para a beleza. Se eu quiser vestir um vestido longo de paetê para um casamento eu posso e ainda sou celebrada por isso. Nos Estados Unidos quando você se veste demais, é quase possível ler o que as mulheres estão pensando: “Quem ela pensa que é? Ela acha que pode fazer aquilo?”

Eu posso apenas dizer em voz alta que algumas mulheres são mais bonitas do que outras? E por que não deveriam ser autorizadas a serem bonitas? Por que elas sentem que têm que jogar para baixo sua beleza natural? Eu também não gosto quando mulheres/adolescentes entram em ódio por si mesmas por causa de sua aparência física, especialmente depois de se compararem com revistas de moda.

A verdade é que toda beleza se desvanece no final. Eu vou repetir essa declaração TODA BELEZA SE DESVANECE NO FINAL. Gravidade é real, é só perguntar para meu corpo. Qual o problema? Eu vou ter um corpo glorificado de qualquer forma em breve, certo? Muitas vezes nós fazemos um ídolo com essa casca chamada corpo. Eu creio que há mais do que a forma com que me pareço. Isso é verdade quando eu estou vestido minhas calças largas ou meu jeans skinny. Eu sou um ser eterno que está usando esse sistema de transporte até que eu me atualize. Oh, que glorioso esse dia será!

Jennifer Roberts

Jennifer Roberts é membro-fundadora da International House of Prayer (IHOP-KC) desde os anos noventa, onde serviu por quase 15 anos depois de ter sido missionária pela Jocum desde a sua juventude. A partir de sua peculiar história de vida, tornou-se uma apaixonante comunicadora da mensagem do amor de Deus, das verdades que transformam vidas e do valor da mulher.

Mais dessa autora

Deixe uma resposta